Barra

DOUTORAMENTOS E MESTRADOS REGULAMENTAÇÃO

REGULAMENTAÇÃO UAb

Política de Acesso Aberto da UAb


Deliberações do Conselho Científico


Normas para a apresentação de dissertações e teses


Doutoramentos

Número de exemplares a entregar

Após a defesa da prova pública o doutorando deve proceder à entrega de 2 exemplares em papel e 1 cópia digital (CD).

Disponibilização do texto Integral

O depósito destes documentos, de acordo com o definido no Decreto-Lei nº 115/2013, de 7 de agosto, é efetuado pela Direção de Serviços de Documentação.
De acordo com a  Política Institucional de Acesso Aberto da UAb (Despacho nº 19/R/15) são autorizados períodos de embargo à disponibilização do conteúdo integral da publicação em Acesso Aberto, com a duração máxima de 36 meses, contados desde a data de concessão do grau.
Os trabalhos defendidos integrarão o Repositório Aberto, mantendo os autores dos documentos todos os seus direitos.
Deliberações do Conselho Científico


Mestrados

Número de exemplares a entregar

Após a defesa da prova pública o mestrando deve proceder à entrega de 1 exemplar em papel e 1 cópia digital (CD).

Disponibilização do texto Integral

O depósito destes documentos, de acordo com o definido no Decreto-Lei nº 115/2013, de 7 de agosto, é efetuado pela Direção de Serviços de Documentação.
De acordo com a Política Institucional de Acesso Aberto da UAb (Despacho nº 19/R/15) são autorizados períodos de embargo à disponibilização do conteúdo integral da publicação em Acesso Aberto, com a duração máxima de 36 meses, contados desde a data de concessão do grau.
Deliberações do Conselho Científico

 

REGULAMENTAÇÃO NACIONAL

Depósito de Teses e Trabalhos de Doutoramento e de Dissertações e Trabalhos de Mestrado
(Decreto-Lei nº115/2013, de 7 de agosto)

De acordo como o artigo 50, as dissertações de mestrado ficam sujeitas ao depósito obrigatório de uma cópia digital num repositório integrante da rede do Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal, operado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia, I. P..
O depósito visa o tratamento e a preservação dos referidos trabalhos científicos, bem como a difusão, em regime de acesso aberto, da produção que não for objeto de restrições ou embargos.
O depósito deve ser feito no respeito por requisitos técnicos, designadamente no que respeita aos formatos dos ficheiros e à respetiva descrição dos trabalhos.
As teses de doutoramento, os trabalhos previstos na alínea a) do n.º 2 do artigo 31.º e as fundamentações escritas a que se refere a alínea b) do n.º 2 do mesmo artigo estão, ainda, sujeitas ao depósito de um exemplar em papel na Biblioteca Nacional de Portugal.


Regulamento Técnico de Depósito de Teses e Trabalhos de Doutoramento e de Dissertações e Trabalhos de Mestrado

(Portaria n.º 285/2015)

Regulamento  a que se refere o n.º 3 do artigo 50.º do Decreto -Lei n.º 74/2006, de 24 de março, na redação dada pelo Decreto-Lei nº 115/2013 de 7 de agosto


Formatos autorizados para efeitos de depósito no Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal (RCAAP)
(Despacho n.º 14167/2015)

Aprova a lista de formatos autorizados para efeitos de depósito no Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal (RCAAP) dos documentos referida no artigo 50.º do Decreto -Lei n.º 74/2006, de 24 de março, na redação dada pelo Decreto-Lei nº 115/2013, de 7 de agosto.
Lista de formatos autorizados para depósito no RCAAP.

Atualizado em 14.09.2016

 

PERGUNTE-NOS
 

Elogios/Sugestões
 

FORMULÁRIOS

 

Co-Financiado por:
Compete Quadro de Referência Estratégico Nacional União Europeia - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional
DeG�is Universidade de E-Learning Universia - O Portal dos Universitários Biblioteca do Conhecimento Online APCER